terça-feira, 26 de agosto de 2008

WEIRD PURPLE

Se a Purple fosse minha eu não deixaria ela ir pra banca com essa fonte bold nas chamadas da capa. Tudo bem que tudo que ela faz (leia-se Olivier Zahm) é moderno e sempre a frente, mas dessa vez ela pisou na bola (e feio). Ficou tudo muito estranho (e olha que nem é o tal do new ugly). Abaixo, a capa (feia) da nova edição, com a Kate Moss e com o Mario Sorrenti, o fotografo que fez a foto e logo em seguida, a edição anterior (com capa bonita!), com a Suvi.

1 comentários:

jess. disse...

cadê o critério? achei ruim.